As religiões afro-brasileiras no cumprimento da Lei 10.639/03

Audiência Pública 9 de Julho de 2021 às 13:34 Transmissão encerrada
Transmissão ao vivo na sala em andamento.

As religiões afro-brasileiras no cumprimento da Lei 10.639/03

Audiência Pública 9 de Julho de 2021 às 13:34 Transmissão encerrada
393 visualizações da página
  • Transmitido
    Parte 1
  • Saiba mais

Pauta

Requerimento n. 44/2021

Autoras:Deputadas Talíria Petrone (PSOL/RJ) e Fernanda Melchionna (PSOL/RS)

Convidados:

- DR. ALBERTO JORGE SILVA (DOTÉ), Psicólogo clínico, ativista, Coordenador
Geral da Articulação Amazônica dos Povos e Comunidades Tradicionais de
Terreiro de Matriz Africana - Aratama;

- IYÁ LILIANA D'OSUN - IYÁNIFÁ  OLAIFA AWORENI, Jornalista / Cientista das Religiões, Presidente e Sacerdotisa da Comunidade da Pedra Branca - Egbe Ifa Aworeni,Militante do Movimento Religioso, Pesquisadora das Religiões de Matriz Afro- brasileira, Membro Fundador do Fórum Inter- Religioso Por Uma Cultura de Paz e Liberdade de Crença do Estado de São Paulo, Coordenadora do Dialogo Inter Religioso e de Matriz Afro Brasileira na Cidade de São Paulo, Signatária da Ação do Direito de Resposta das Religiões Afro-brasileiras e do Abate Religioso, Colaboradora do ISER (Instituto de Estudo da Religião), Colaboradora do GreenFaith - New York Movimento ambiental e climático global multi-religioso;

- DRA. BIANCA HILGERT - Advogada e ativista dos Direitos Humanos, Povo
de Terreiro e LGBTI+

- Taata Nkisi Katuvanjesi -Walmir Damasceno - dirigente da Comunidade Tradicional Centro Africana Inzo Tumbansi, Coorrdenador do Instituto Latino Americano de Tradições Afro Bantu(ILABANTU), representante para América Latina do Centro Internacional de Civilizações Bantu(CICIBA),

- BABALORIXÁ JUSUAMIM TY JAGUM (EDUARDO L. GOMES) - presidente da comunidade Afro-brasileira Omulú Senhor Da Terra, presidente
nacional da AFAUCAB Associação Federativa Afro-brasileira da Cultura e cultos
de umbanda e Candomblé do Brasil

- BABALAWO IFASEGUN AWORENI / BABÁ MARCELO D`OGUM,
Administrador, Mestre em Logística, Bacharel em Direito, Pesquisador das
Tradições de Matriz Afro-brasileira e Africana, autodidata em Antropologia
Cultural Africana, Sacerdote da Comunidade da Pedra Branca – Egbé Ifá Aworeni,
Militante do Movimento Religioso, Pesquisador das Ações Climáticas e
Ambientais, Membro de Fóruns e Associações Religiosas a Nível Nacional,
Estadual (RS e SP) e Municipal (Porto Alegre, São Paulo e Florianópolis).

- BABALAWO IFAODUNNOLA AWORENI / BABÁ ANDRÉ
FERNANDES COUTINHO, presidente fundador da Confraria do Oyó e Vice
Presidente do Cedrab (Congregação em Defesa das Religiões Afro-brasileiras).

- MÃE TUCA D'OSOGYAN, carioca radicada em João Pessoa, advogada,
funcionária pública aposentada, Diretora e uma das fundadoras da Casa de Cultura
Ilê Asé d'Osoguiã-CCIAO. Representante dos Povos e Comunidades de Matriz em
diversos Conselhos Nacional, Estadual e Municipal, Membro da Comissão de
Participação Social do CNDH, Conselho Estadual dos Direitos da Criança e do
Adolescente; Conselho Municipal de Políticas Culturais; Conselho Municipal dos
Direitos da Criança e do Adolescente; Cidadã Paraibana concedido pela
Assembleia Legislativa.

- IYA OYAIYELE MARIA DOLORES DE LIMA E SILVA, Bacharel em
Psicologia pela UNESA; Especialista em Educação pela UFF; pesquisadora CNPq
LEPPA/HESFA/UFRJ – “Desafios e possibilidades de Aliança com Movimento
Negro no combate ao DST/AIDS ; Iyalase ti Ile Ase Idasile Ode – RJ; Servidora
Pública da SEEDUC - RJ; Membro do Comitê Étnico Racial da Secretaria de
Estado de Educação; Membro da Executiva do Fórum Estadual de Mulheres
Negras; ; Pesquisadora ADOC da pesquisa de doutorado : A luta por um modo de
vida: as narrativas e estratégias de enfrentamento ao racismo religioso dos
membros do FONSANPOTMA;

- LEMBA DYALA, atual Sacerdote do Muna Nzo Kôngo Dya Mayâla
Mavuemba Nkôsi Biole, fundado em 1966. Herdeiro espiritual de Tata Biolê de
Nkôsi, filho de Nengwa Nanga Kovi e Tata Londira Da Gomeia). Presidente e cofundador
do Ibakivi (Instituto Bantu Kimpa Vita), uma organização panafrikana
ligada a Rainha Diambi Kabatusuila da República Democrática do Congo ( RDC).
Recebeu da Soberana o título de Sacerdote da Ordem do Leopardo do Reino do
Kôngo. Nomeado por Ifá como Ifátoyangan, Conselheiro da Aldeia Ubuntu
Comunidade Civilizatória de Pertencimento Bioancestralico de Matriz Africana e
Afrodiasporica (Escola de Filosofia Afrikana). e coordenador da comissão de
preservação e Tombamento da memória Gomeia.

Organização

CLP - Comissão de Legislação Participativa