Menu

Pergunte aos Deputados

Faça sua pergunta ou apoie outra já feita. As perguntas mais votadas serão encaminhadas à Mesa para serem respondidas.

  • Fabiano Santos 18:30 31/08/2017

    O que o Brasil pode fazer para baratear o custo de fabricação dos equipamentos para geração de energia fotovoltaica? Se a geração de energia fotovoltaica fosse abrangente nos telhados brasileiros, isso reduziria o preço da energia elétrica e aumentaria o potencial industrial do Brasil?

    Prioridade
    5
  • Canal do Jô 23:37 15/09/2017

    Energia Solar, Hidroelétrica(rios), Eólica(vento), todas são mto importantes. Mais importante ainda é criar um Conselho para profissionais desse Setor Elétrico.Tipo: CFEE: Conselho Federal de Eletricidade,unindo quem mexe com Engenharia Elétrica e TODOS os profissionais que trabalham c/eletricidade.

    Prioridade
    3
  • Atila da Rocha 10:39 04/09/2017

    Como será possível aumentar a capacidade de armazenamento da energia produzida pelo Sol e melhorar a eficiência em sua utilização?

    Prioridade
    3
  • marcilio 01:38 12/09/2017

    Quais as possibilidades de linhas de crédito, com taxas atrativas para popularizar esse setor?

    Prioridade
    2
  • marcilio 01:34 12/09/2017

    Quais as possibilidades de bolsas de estudos em pesquisa e desenvolvimento neste segmento?

    Prioridade
    2
  • marcilio 01:32 12/09/2017

    Será previsto remunerar quem gerar energia a partir de sistemas renováveis de geração de energia, seja fotovoltaico, eólico e outros?

    Prioridade
    2
  • Luciana Spinetti 01:15 12/09/2017

    Seria possível a energia eólica e a energia solar virem a substituir num futuro proximo a energia produzida pelas usinas termoelétricas?

    Prioridade
    2
  • Ronaldo Corvo 01:11 21/09/2017

    para sr. spartacus, quais as maiores dificuldades das empresas como baterias mouras? além dos impostos, é muito caro investir em pesquisa? quais ações seriam necessárias (além de menos impostos para contratação) para fazer o brasil se tornar destaque mundial na área?

    Prioridade
    1
  • Ronaldo Corvo 01:08 21/09/2017

    existe uma lista compilada de projetos da camara ou do senado que tem como assunto a área de energias renováveis?

    Prioridade
    1
  • Ronaldo Corvo 01:08 21/09/2017

    por que o Projeto de Lei do Senado n° 167, de 2013 está demorando tanto para tramitar? por que projetos como esse que teriam permitido pelo menos 4 anos de avanços do brasil nessa área são tão lentos para tramitar?

    Prioridade
    1
  • Ronaldo Corvo 01:07 21/09/2017

    quais parcerias com outros países o brasil tem para facilitar o acesso a informações, dados científicos, pesquisas, intercambio nessa área?

    Prioridade
    1
  • Ronaldo Corvo 01:06 21/09/2017

    existe algum tipo de lei rouanet para pesquisas científicas? sei que há investimento em bolsas, mas e a isenção para pesquisas científicas?

    Prioridade
    1
  • Ronaldo Corvo 01:05 21/09/2017

    por que não há isenção para empresas que queiram criar fazendas de produção eólica ou solar? lembrando que impostos incidem em toda a cadeia de produção (contratação, importação, transporte, etc)

    Prioridade
    1
  • Ronaldo Corvo 01:03 21/09/2017

    existe isenção de impostos para produção ou importação de maquinário para fabricação de componentes e itens necessário para geração de energias alternativas?

    Prioridade
    1
  • Ronaldo Corvo 01:03 21/09/2017

    quais os incentivos fiscais dados para empresas que quiserem investir em pesquisas, tanto internamente quanto em parceria com universidades? por exemplo, isentando o pagamento de tributos para contratação de profissionais de pesquisa e pagamento de bolsas.

    Prioridade
    1
  • Ronaldo Corvo 00:59 21/09/2017

    se não é possível ajudar a produção nacional de energias alternativas, por que não baratear isentando e facilitando a importação de produtos de ultima geração relacionados à energia alternativa?

    Prioridade
    1
  • Ronaldo Corvo 00:57 21/09/2017

    quais as ações voltadas para o barateamento da produção de equipamentos para produção de energias alternativas? por que não isentar a produção desse setor para permitir que até os mais pobre possam gerar energia por conta própria?

    Prioridade
    1
  • Renan Prudêncio 11:43 14/09/2017

    Atualmente estou residindo em Luxor, no Egito e gostaria de saber se há alguma previsão, em termos de tempo, de o Brasil disponibilizar essas novas tecnologias para o comércio exterior?

    Prioridade
    1
  • Renata Gonçalves 02:07 12/09/2017

    O sistema (celulas fotovoltaicas) vai ter compra de energia?

    Prioridade
    1
  • tania campos 11:20 04/09/2017

    Gostaria de saber se sera possivel extender para todo o Brasil e se o custo sera possivel baratear o custo pois atualmente e muito caro a energia no Brasil.

    Prioridade
    1
  • tania campos 11:17 04/09/2017

    Moro na Carolina do Norte e gostaria de saber como sera pos

    Prioridade
    1
Faça Login para enviar uma pergunta!

Seminário
18 de Outubro de 2017 às 08:30

MINAS E ENERGIA

Transmissão prevista para 18 de Outubro de 2017 às 08:30.

Transmissão Prevista
734 visualizações

Pauta

Tema:
Revolução Tecnológica no Sistema de Geração e Distribuição de Energia Elétrica no Brasil, em atendimento ao Requerimento nº 162/2017, do Deputado Jhonatan de Jesus.

Programação:

CREDENCIAMENTO - 8h30m

ABERTURA - 9h
- Deputado Rodrigo Maia, Presidente da Câmara dos Deputados
- Deputado Fernando Coelho Filho, Ministro de Minas e Energia
- Deputado Jhonatan de Jesus, Presidente da Comissão de Minas e Energia

PAINEL I - Financiamento de P&D e da implantação de energia elétrica sustentável - 9h30m

- Sr. José Danilo Araújo do Nascimento, Superintendente de Políticas de Desenvolvimento do Banco do Nordeste - FNE Sol: financiamento de sistemas de micro e minigeração distribuída de energia por fontes renováveis;
(CONFIRMADO)
- Sr. Ailson de Souza Barbosa, Superintendente de Pesquisa e Desenvolvimento e Eficiência Energética da Agência Nacional de Energia Elétrica - Aneel: recursos de P&D para projetos de geração fotovoltaica e armazenamento de energia elétrica; (CONFIRMADO)
- Sr. Álvaro Toubes Prata, Secretário de Desenvolvimento Tecnológico e Inovação do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações: incentivos ao desenvolvimento tecnológico em geração fotovoltaica, baterias e eficiência energética.

Mediador: Deputado Ronaldo Benedet

PAINEL II - Geração distribuída fotovoltaica no Brasil - 11h15m

- Sr. Eduardo Azevedo Rodrigues, Secretário de Planejamento e Desenvolvimento Energético do Ministério de Minas e Energia: perspectivas da energia solar para a geração distribuída no Brasil;
- Sr. Rodrigo Lopes Sauaia, Diretor-Executivo da Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica - ABSOLAR: desafios da geração distribuída fotovoltaica no Brasil;
(CONFIRMADO)
- Sr. Roberto Zilles, Chefe Técnico da Divisão Científica de Planejamento, Análise e Desenvolvimento Energético do Instituto de Energia e Ambiente (IEE) da Universidade de São Paulo: pesquisa em energia fotovoltaica no Brasil;
(CONFIRMADO)

Mediador: Deputado Augusto Carvalho

Intervalo para almoço - 13h

PAINEL III - Armazenamento de energia elétrica - 14h30m

- Sr. Carlos Augusto Leite Brandão, Presidente da Associação Brasileira de Armazenamento e Qualidade de Energia - Abaque: armazenamento de energia no contexto da evolução do setor elétrico no Brasil;
- Sr. Eunézio A. De Souza, Professor Coordenador do Centro de Pesquisas Avançadas em Grafeno, Nanomateriais e Nanotecnologias (MackGraphe) da Universidade Presbiteriana Mackenzie: desenvolvimento de baterias de grafeno no Brasil; (CONFIRMADO)
- Sr. Spartacus Pedrosa, Diretor do Instituto de Tecnologia Baterias Moura: Fabricação de baterias de alto desempenho no Brasil.
(CONFIRMADO)

Mediadora: Deputada Dâmina Pereira

Intervalo - 16h15m

PAINEL IV - Eficiência energética e sustentabilidade - 16h30m

- Sr. Eng. Carlos Ogawa, Gerente do Departamento de Desenvolvimento e Inovação da WEG Energia Equipamentos Elétricos S.A.: perspectivas para o aumento da eficiência dos motores elétricos;
(CONFIRMADO)
- Sr. Cesar Soós, Engenheiro de P&D da Keppe Motor: pesquisa em motores elétricos eficientes;
(CONFIRMADO)
- Gen. Div. Decílio de Medeiros Sales, Diretor do Departamento de Ciência e Tecnologia Industrial do Ministério da Defesa: sistema de transmissão de energia elétrica por meio de cabo híbrido.
(CONFIRMADO)

Mediador: Deputado Cabuçu Borges

ENCERRAMENTO - 18h15m
Deputado Jhonatan de Jesus, Presidente da Comissão de Minas e Energia

Organizado por

CME - Comissão de Minas e Energia

Bate-Papo

  • Comissão de Minas e Energia : Olá! Nosso Seminário interativo ocorrerá na quarta-feira, dia 18/10/2017, a partir das 9h. Você pode formular perguntas sobre o Seminário na barra lateral esquerda. Você também pode votar nas perguntas alinhadas à sua opinião pessoal. As perguntas que receberem mais votos terão maior chance de ser respondidas durante o evento. 30/08/2017 - 12:39
  • Ronaldo Corvo : por que não permitir isenção de impostos para produtos e serviços relacionado à energias alternativas? lembrando que o fato de que além da compra do produto com impostos altissimos, é necessário pagar para alguém instalar, ou seja, nunca é só um ponto que encarece o produto 21/09/2017 - 01:00
Há novas mensagens disponíveis abaixo
Faça Login para participar no chat!