Cadastrar

Ao se cadastrar no e-Democracia você concorda com nossos Termos de Serviço

Mostrar Senha
Sou estrangeiro

Pergunte aos Deputados

Faça sua pergunta ou apoie outra já feita. As perguntas mais votadas serão encaminhadas à Mesa para serem respondidas.

  • joana 16:12 29/11/2017

    O tabagismo, assim como a alimentação adequada e saudável, o sedentarismo e o consumo de álcool são fatores de risco para doenças crônicas não transmissíveis - responsáveis por 70% dos óbitos no Brasil. OLegislativo não tem o dever de editar leis que desencorajem seu uso, já q a saúde é direito?

    Pergunta Respondida
    5
  • joana 16:06 29/11/2017

    A tributação de cigarros com reversão de seus recursos para ações de saúde destinadas ao tratamento de doenças tabaco relacionadas e para ações de saúde de prevenção ao tabagismo não seria fundamental para a garantia do direito à saúde assegurado na Constituição Federal como um dever do Estado?

    Pergunta Respondida
    4
  • joana 16:23 29/11/2017

    A criação da CIDE tabaco, para a tributação de produto nocivo à saúde, com direcionamento de recursos para o Programa Nacional de Controle do Tabaco, assim como o ressarcimento ao SUS não seria medida adequada para a prevenção e tratamento de doenças relacionadas à principal causa de morte no mundo?

    Pergunta Respondida
    3
  • joana 16:20 29/11/2017

    Quanto mais caro um produto nocivo à saúde, não fica mais difícil seu acesso, acarretando na melhoria da saúde individual e coletiva? A tributação do tabaco com reversão para serviços de saúde não seria medida necessária inclusive no contexto de subfinanciamento do SUS?

    Pergunta Respondida
    2
  • joana 16:17 29/11/2017

    A questão tributária e o contrabando de cigarros não deveriam ser ser devidamente enfrentadas Pelo Poder público?

    Pergunta Respondida
    2
  • Luiz Pauli 16:10 29/11/2017

    ALERTA TOTAL. A medicina alertou o judiciário que esses dados e estatisticas são totalmente falsos no processo de nr. 583.00.1995.523167-5. A medicina, inclusive alertou que sequer encontrou causualidade entre fumar e câncer. Vejam o caso do câncer de pulmão, virou epidemia em não fumantes.

    Pergunta Respondida
    2
Audiência encerrada para participações.

Audiência Pública
29 de Novembro de 2017 às 15:05

TRIBUTAÇÃO DO TABACO PARA A PROMOÇÃO DA SAÚDE

Transmissão Encerrada (Gravado)
427 visualizações

Pauta

(Requerimento nº 621/2017 e Req. 211/2017 CCJC, do Deputado Hiran Gonçalves)


TEMA
"TRIBUTAÇÃO DO TABACO PARA A PROMOÇÃO DA SAÚDE"

CONVIDADOS

IRO SCHÜNKE - Confirmado
Presidente do Sindicato Interestadual da Indústria do Tabaco - Sinditabaco;

GUSTAVO MADI RESENDE- Confirmado
Consultor da Confederação Nacional da Indústria - CNI

TANIA CAVALCANTE - Confirmada
Secretária-Executiva da Comissão Nacional para Implementação da Convenção-Quadro para o Controle do Tabaco - CONICQ

MONICA ANDREIS - Confirmada
Diretora-Executiva da Aliança para o Controle do Tabagismo e Promoção da Saúde - ACT

Organizado por

CSSF - Comissão de Seguridade Social e Família

Bate-Papo

  • Ronaldo Corvo : olá, por favor informem aqui quando forem realizar as perguntas para que possamos acompanhar 05/10/2017 - 18:57
  • Ricardo : boa tarde, vai ocorrer uma transmição ao vivo da audiência, e qual horário abre o canal? 29/11/2017 - 14:38
  • Ricardo : vdd 29/11/2017 - 14:50
  • Ricardo : que hora abre sera ? 29/11/2017 - 14:50
  • Luiz Pauli : ALERTA TOTAL A medicina alertou o judiciário que esses dados e estatisticas do cigarro são falsas, totalmente falsas, no processo de nr. 583.00.1995.523167-5. A medicina informou que, sequer encontrou causualidade entre fumar e cãncer. Vejam o caso do câncer de pulmão, é epidemia em não fumantes, e pior, aumenta a niveis galopantes em não fumantes. Infelizmente, fomos enganados por ativistas antitabaco, com falsos dados. Interessante seria, questionar esses ativistas antitabaco, quem os financia,pois tem muita coisa estranha por trás desses ativistas antitabaco. 29/11/2017 - 15:52
  • Luiz Pauli : Reparem na frase que esses ativistas antitabaco usam muito..."cigarro mata 200 mil fumantes no Brasil". Ora, isso é o óbvio, todo o ser vivo morre um dia, o fumante segue o mesmo ritmo, pois não tem vida eterna. Agora, cadê a idade que morrem esses fumantes, masculino, feminino vejam que tudo é feito para distorcer. Fiquemos alertas com esses ativistas antitabaco. Quem osfinancia, deveria ser a pergunta certa. 29/11/2017 - 15:55
  • Luiz Pauli : Além do mais, não existe doença exclusiva de fumantes. Todo não fumante, morre com as mesmas doenças do fumante, exatamente as mesmas. então, como dizer que o sujeito morrem pelo cigarro, se quem não fuma, morre com as mesmas doenças??? percebam que todas as informações, são feitas para iludir, e não esclarecer 29/11/2017 - 15:56
  • Luiz Pauli : Enfim, em 30 anos, reduziu de 45% para apenas 10,2% o numero de fumantes, porém, as doenças relacionadas quadruplicaram, principalmente em jovens. Vejam mais uma vez, que não fecha nessas questões do cigarro. 29/11/2017 - 15:58
  • dguedes : O número de mortes relacionadas ao tabagismo no Brasil é de 156 mil ao ano, tendo como base 2015, quando o estudo foi realizado pela pesquisadora Marcia ♥, do Instituto Fernandes Figueira, da Fiocruz. 29/11/2017 - 16:22
  • Marilia Sobral Albiero : As indústrias do tabaco produzem externalidades negativas para a sociedade, devido às causa de mortes e doenças relacionadas ao seu uso. Impostos, são uma maneira das mais eficazes para que as indústrias assumam suas externalidades negativas. 29/11/2017 - 16:22
  • Marilia Sobral Albiero : • É consenso científico e está entre as melhores práticas que o aumento de tributos incidentes sobre o cigarro é a política de saúde pública mais custo-efetiva para a redução do tabagismo, que no Brasil causa a morte de mais de 156 mil pessoas por ano, ou 428 por dia . Está prevista no artigo 6º, do tratado. 29/11/2017 - 16:23
  • Marilia Sobral Albiero : Existe um falso dilema sobre os impostos e contrabando. Nós não temos que fazer uma escolha. Podemos sim aumentar os impostos e controlar o mercado ilegal e contrabando pela Brasil deve ratificar o Protocolo para Eliminação do Comércio Ilícito de Produtos de Tabaco 29/11/2017 - 16:26
  • Alexandre Octavio : Sérgio Moraes aceitando a indústria como maior vetor do contrabando 29/11/2017 - 16:30
  • Alexandre Octavio : Carneiro se mostrando um leão... 29/11/2017 - 16:35
  • Alexandre Octavio : Moraes foi mais honesto ao assegurar que a indústria do tabaco no Brasil é parceira do contrabando. 29/11/2017 - 16:42
  • Luiz Pauli : Conforme a medicina alertou o judiciário, infelizmente, ativistas anttiabaco são charlatães, e charlatão é fácil de de ser desmascarado. Viram como esses ativistas antitabaco ficam quietos, quando confrontados?e adivinha porque usam sempre a OMS? simples, porque é lá longe na Suiça, já para ninguém contestar. E reparem também, usam sempre crianças como escudo, são ♥,pois querem jogar não fumantes contra fumantes, é a mesma fraude do fumo passivo, conforme alertou o dr. Gori, do US National Câncer. Ativistas antitabaco, são os piores individuos da sociedade brasileira. 29/11/2017 - 16:45
  • Alexandre Octavio : Município d 29/11/2017 - 17:00
  • Alexandre Octavio : Município de Boqueirão do Leão, entre os 496 do RS, está lá embaixo, 311 em IDH... 29/11/2017 - 17:02
  • Luiz Pauli : Santa Cruz do Sul, capital nacional do fumo, é um dos 10 municipios mais ricos do RS, e o que mais gera empregos no Brasil 29/11/2017 - 17:03
  • Alexandre Octavio : Entendi, a AMPROTABACO quer que o cigarro fique bem baratinho. 29/11/2017 - 17:05
  • Luiz Pauli : 372 BILHOES ANUAIS o governo brasileiro gasta com alcoolismo, ou seja, 7,3% do pIB brasileiro. 90% das mortes por drogas legalizadas, é pelo alcool. Afinal, o que esses anritabagistas estão fazendo nesse páis?? 29/11/2017 - 17:06
  • Alexandre Octavio : quem vai acabar com a fumicultura não é o MInistério da Saúde nem a OMS e sim a indústria do tabaco com o cigarro eletrônico. 29/11/2017 - 17:07
  • Alexandre Octavio : É só impedir a indústria do tabaco de exportar para o Paraguai. 29/11/2017 - 17:09
  • Luiz Pauli : Nãoadianta, estão assaltando caminhoes de tabaco, e levando ao paraguai. E pior, o próprio Paraguai, já está produzindo cigarro pirata em território brasileiro. 29/11/2017 - 17:10
  • Luiz Pauli : E cigarro eletrônico, usa tabaco. 29/11/2017 - 17:11
  • Alexandre Octavio : Por isto o Presidente do Paraguai, maior acionista da indústria paraguaia de cigarro veio ao BRasil para unificar esforços para impedir os crimes praticados pelo CCC nas fronteiras. 29/11/2017 - 17:12
  • Alexandre Octavio : cigarro aquecido utiliza pouquissimo tabaco, cigarro eletrônico, nenhum. Hoje, o ITGA sabe que o mercado de cigarro eletronico irá crescer no mundo em até 30% atpe 2024 29/11/2017 - 17:14
  • Alexandre Octavio : E a Afubra sabe disso e está apavorada com esta previsão. 29/11/2017 - 17:14
  • Luiz Pauli : Pergunta......esses atvistas antitabaco geram renda, emprego,divisas? então, o que estão fazendo ali?? 29/11/2017 - 17:14
  • Luiz Pauli : Não caiam nessas armadilhas de parceria com ativistas antitabaco, essaspessoas não merecem crédito nenhum, enganaram até o ministro da agricultura. A medicina, já fez o alerta de que são charlatães, e comcharlatães, não existe parceria. 29/11/2017 - 17:17
  • Luiz Pauli : Grande prefeito Guido, mostre ao pais, quem são esses ativistas antitabaco. 29/11/2017 - 17:21
  • Luiz Pauli : E não é só o cigarro, com o uso de crianças, eles vão criar ódio e rancor, também contra as inds. de refrigerantes,carne,fast food, entre outros. Olho vivo com essa gente antitabaco. 29/11/2017 - 17:22
Há novas mensagens disponíveis abaixo
Audiência encerrada para participações.