Menu

Pergunte aos Deputados

Faça sua pergunta ou apoie outra já feita. As perguntas mais votadas serão encaminhadas à Mesa para serem respondidas.

  • Agnaldo Antônio Perez Nogueira 07:25 12/10/2017

    Como o Brasil pode ser signatário de acordo internacional de trabalho praticando ações que vão de encontro à própria convenção? Como: Ocultar divulgação de listra de trabalho escravo; servidor público sem reposição salarial a 3 anos; e terceirização X ações?

    Prioridade
    7
  • Thiago Capuano 12:05 12/10/2017

    Deverá o cidadão para assumir Cargo em Comissão ter necessariamente, mesmo que não tenha sido convocado para posse, ter sido aprovado e classificado, em qualquer concurso publico da respectiva esfera do cargo, em nível compatível com à exigida para o cargo pela lei complementar em vigor da função?

    Prioridade
    3
  • Manoel Filho 19:33 16/10/2017

    Estão querendo criar nova forma de demissão de servidor concursado,mas porque não existe uma contrapartida de recebimento imadiato de indenizações,pois,acabam entrando em precatorio?

    Prioridade
    1
  • Manoel Filho 19:32 16/10/2017

    Por que não existe uma regra mais rigida para contratação de Comissionados ou mão de obra terceirizada?

    Prioridade
    1
  • Manoel neto 07:22 13/10/2017

    tem procedimentos de qualificação permanente do desempenho com inclusão?

    Prioridade
    1
Faça Login para enviar uma pergunta!

Audiência Pública
17 de Outubro de 2017 às 09:00

TRABALHO, ADMINISTRAÇÃO E SERVIÇO PÚBLICO

Transmissão prevista para 17 de Outubro de 2017 às 09:00.

Transmissão Prevista
140 visualizações

Pauta

Mesa 1: Convenção 151 da OIT - Organização Internacional do Trabalho (PL 3831/2015)

Debatedores:
- José Borges de Carvalho Filho, Representante do Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão (MP); (confirmado)
- Guilherme Guimarães Feliciano - Presidente da ANAMATRA (Associação Nacional dos Magistrados da Justiça do Trabalho);
- Jordan Pereira - Presidente do SINAL (Sindicato Nacional do Funcionários do Banco Central); (confirmado)
- Rudinei Marques, Presidente do FONACATE (Fórum Nacional Permanente de Carreiras Típicas de Estado) e do Unacon Sindical (Sindicato Nacional dos Auditores e Técnicos Federais de Finanças e Controle) ; (confirmado)
- Floriano Martins de Sá Neto, Presidente do Conselho Executivo da ANFIP; (confirmado)
- Antônio Augusto de Queiroz, Diretor de Documentação do DIAP (Departamento Intersindical de Assessoria Parlamentar );e
- Nilton Paixão, Presidente da Pública Central do Servidor. (confirmado)

Mesa 2: Direito de Greve (PL 4497/2001e PL 401/1991)

Debatedores:

- Roberto Gonzalez, Secretário Executivo da AFIPEA (Associação dos Funcionário do IPEA);
- Helênio Porto Barros, Presidente da FENAJUFE (Federação Nacional dos Trabalhadores do Judiciário Federal e Ministério Público da União); e
- Francelino das Chagas Valença Junior, Diretor de Formação Sindical e Relações Intersindicais da FENAFISCO (Federação Nacional do Fisco Estadual e Distrital). (confirmado)

Organizado por

CTASP - Comissão de Trabalho, de Administração e Serviço Público

Bate-Papo

  • Manoel neto : to com dor tanto tratamento de prevenção que entra no potencial de extração sem inclusão! 13/10/2017 - 07:25
  • Manoel neto : CADA CASO UM TRATAMENTO QUE REQUER EQUIPAÇÃO DE ALCANCE DAS PRATICAS SOB RESERVA. 16/10/2017 - 06:37
Há novas mensagens disponíveis abaixo
Faça Login para participar no chat!